Notícias
Sábado Maio 27, 2017

Ditadores socialistas cubanos condenam "golpe de Estado parlamentar-judicial" contra Dilma Rousseff

O governo totalitário dos irmãos Castro, que recebeu mais de R$ 4,5 bilhões do governo petista, condenou hoje o "golpe de Estado parlamentar-judicial que foi consumado contra a presidenta Dilma Rousseff".

Não, não é piada. Os marxistas-leninistas estão falando sério. Leia o comunicado:

"O acontecido no Brasil é mais uma expressão da ofensiva do imperialismo e a oligarquia contra os governos revolucionários e progressistas da América Latina e o Caribe, que ameaça a paz e a estabilidade das nações... Cuba ratifica sua solidariedade com a presidenta Dilma e o companheiro Lula, com o Partido dos Trabalhadores e expressa sua confiança em que o povo brasileiro defenderá as conquistas sociais conseguidas e se oporá com determinação às políticas neoliberais que lhe tentem impor e ao despojo dos seus recursos naturais".

Fonte: Governo Revolucionário da República de Cuba

 

Share